“Acredito no poder da oração”, diz governador americano que conclama povo a orar e jejuar

Share on facebook
Share on twitter
Share on email
Share on whatsapp
Share on linkedin

O governador da Louisiana, John Bel Edwards, fez um apelo à oração para os cidadãos que “acreditam no poder da oração” se juntem a ele e sua esposa, a primeira-dama Donna Edwards, para “orar e jejuar durante a hora do almoço” pelos profissionais de saúde do estado e por “todos aqueles que estão doentes ou afetados pelo Covid-19.”

“Além da oração, o governador incentiva os moradores a ajudarem a desacelerar a disseminação da Covid tomando suas vacinas e usando máscaras sempre que estiverem em locais fechados e em público”, disse um comunicado do gabinete do governador.

Edwards divulgou a declaração, disse ele, depois de conversar com um grupo de pastores.

‘Pedi a centenas de ministros e pastores em toda a Louisiana para se juntarem a mim durante a hora do almoço … em oração e jejum por nosso estado, e estou estendendo este convite a todos e quaisquer que estejam inclinados, não importa suas crenças religiosas’, disse Edwards. ‘Eu acredito fortemente no poder da oração, e há milhares de pessoas agora na Louisiana que precisam ser levantadas em oração. Então eu espero que você junte suas orações às minhas por cura e proteção’.

Edwards disse que estará orando:

“para que nossos doentes possam lutar contra esta doença.”

“que os profissionais médicos que cuidam deles possam permanecer fortes e seguros.”

“que nossos filhos, professores e equipe de apoio escolar possam começar o ano letivo com segurança.”

“que nosso povo fará tudo o que estiver ao seu alcance para nos ajudar a desacelerar a propagação deste terrível vírus.”

Alta de contaminações

A Louisiana está passando pela maior alta de todos os tempos em casos de Covid-19, de acordo com uma média de sete dias. Segundo o Departamento de Saúde do estado, o número de hospitalizações pelo vírus também atingiu um recorde.

De acordo com o Departamento de Morte, os cidadãos que não foram totalmente vacinados foram responsáveis ​​por 90 por cento dos casos e 84 por cento das mortes durante o período de 22 a 28 de julho. Eles também foram responsáveis ​​por 91 por cento das hospitalizações atuais, disse o departamento.



Guia me

ÚLTIMOS POSTS

O Que Você Teria Feito?

Em fevereiro de 2015, o grupo terrorista ISIS decapitou 21 cristãos em uma praia na Líbia. A maioria deles eram trabalhadores migrantes egípcios que trabalhavam

Leia Mais »

Espaço Gospel foi criado com a intenção de reunir o melhor de todo material disponível na rede para ajudar você a se conectar com Deus!