Andressa Urach fala de transtorno e 2° batismo

Share on facebook
Share on twitter
Share on email
Share on whatsapp
Share on linkedin

Os altos e baixos, com decisões extremas, fazem parte da rotina e da faceta pública da vida de Andressa Urach, que recentemente voltou à Igreja Universal e se submeteu a um segundo batismo. Agora, a ex-modelo falou sobre seu transtorno psicológico, a síndrome de Borderline.

Casada há menos de um ano, Andressa Urach voltou a frequentar igrejas, engravidou e há menos de dois meses anunciou estar se divorciando, afirmou que voltaria a se prostituir e depois se reconciliou com o marido e com a Igreja Universal, a quem acusa de te-la manipulado para doar R$ 2 milhões em ofertas.

Essas mudanças bruscas de direção e propósito são, segundo a ex-modelo afirmou em publicações em suas redes sociais, sintomas da síndrome de Borderline. Segundo ela, um acompanhamento com psicólogos vem sendo feito e o tratamento já foi iniciado.

“Quando a gente terminou, foi bem difícil, porque eu estava passando por aquelas crises, por causa do meu problema de saúde, o Borderline. Estou fazendo tratamento psiquiátrico com a ajuda de psicólogos, tomando minhas medicações certinhas”, comentou.

A Síndrome de Borderline (“fronteiriço”, na tradução do inglês) é um transtorno mental caracterizado por humor, comportamentos e relacionamentos instáveis. Sua causa ainda não está completamente compreendida pela ciência, mas o diagnóstico é feito a partir dos sintomas.

Segundo batismo

Em fevereiro de 2015, Andressa Urach foi batizada nas águas na Igreja Universal. Agora, após recuar de sua volta à prostituição e se reconciliar com o marido, decidiu aceitar os apelos do bispo Guaracy e sua esposa, Thais, para voltar à instituição.

“Eu sei que o batismo é um só, tá? E o arrependimento de pecados. Só que eu pequei muito, muito mesmo, então eu decidi me batizar de novo porque se a velha criatura não morrer, a gente entra [no tanque de batismo] um pecador seco e sai um pecador molhado, né? Então, pra minha consciência também, foi algo entre eu e Deus novamente”, declarou.

“Sou falha sim, não quer dizer que eu não vá errar, a gente erra, mas pelo menos me sinto salva agora porque o negócio estava tenso, mas Deus teve misericórdia de mim, Ele é incrível”, acrescentou a ex-modelo.

Gospel Mais

ÚLTIMOS POSTS

Não Desista

Na história de Ester, a lei para matar os judeus era irrevogável. O rei não podia reverter a lei, então ele escreveu uma segunda para

Leia Mais »