Antes de Tentar Desempenhar o Ministério

Share on facebook
Share on twitter
Share on email
Share on whatsapp
Share on linkedin

Alguns anos atrás,
tive a honra de falar para um grupo de missionários da América do Norte que
estavam sendo enviados para a Ucrânia, Escócia, Espanha e Nova Zelândia. Eis o
que eu disse a eles para serem missionários bem-sucedidos e fiéis.

1. Aprenda.

O ensino é parte da
Grande Comissão (Mateus 28:18-20), mas devemos aprender antes de ensinar.

Não seja o cara com
todas as respostas, especialmente se você estiver em um país estrangeiro ou uma
cultura desconhecida. Seja primeiro um aprendiz. Se quisermos aprender,
primeiro devemos estudar. Os bem-aventurados missionários interculturais
estudam a cultura, o contexto e os estilos de comunicação de seu novo mundo.
Então eles ensinam.

2. Lidere.

Mas, o que é
liderança e qual a melhor maneira de liderar no meu novo contexto?

Muitos missionários
(e pastores, plantadores de igrejas e líderes de ministérios voluntários)
pensam que servir é um trampolim para uma liderança – que devemos servir para
que um dia possamos liderar. Isso é exatamente o oposto do que Jesus ensinou.

Quando Tiago e João
pediram para se sentar à direita e à esquerda de Jesus, eles estavam pedindo
posição de liderança e autoridade. Jesus disse que estavam pensando em
liderança como os gentios (pessoas distantes de Deus). Ele então descreveu sua
visão de liderança com duas palavras que Tiago e João nunca usariam para
descrever a liderança: servo e escravo.

Muitos são ensinados
erroneamente que o serviço é o caminho bíblico para a liderança. Jesus ensinou
exatamente o oposto. Ele ensinou que a liderança é uma plataforma para servir
(Marcos 10:35-45). Os melhores missionários pensam e atuam como servos.

3. Ame.

É comum que as
pessoas boas passem gradualmente ao ponto em que amam o fruto, a aventura e as
recompensas do ministério mais do que amam a Deus. Nunca começa assim, mas
acontece.

Alguns encontram o
caminho de volta ao seu primeiro amor, outros passam suas vidas trabalhando
para Deus ou fugindo de Deus. Pedro negou Jesus três vezes, depois voltou a
pescar peixes em vez de pescar homens. Jesus restaurou Pedro. Mas observe que o
relacionamento de Pedro com Jesus foi restaurado antes que seu ministério fosse
restaurado. Jesus fez a Pedro perguntas relacionais, depois restaurou seu
ministério. “Você me ama? … você me ama? … você me ama?”

Três negativas e
três chances de expressar seu amor. Se Pedro tivesse negado quatro vezes, acho
que Jesus teria lhe dado quatro chances de afirmar seu amor. Uma vez que o
relacionamento foi restaurado, só então Jesus recomendou Pedro ao
ministério. “Apascenta os meus cordeirinhos… Pastoreia as minhas
ovelhas… Apascenta as minhas ovelhas” 
(João 21:15-19). Todo o
ministério deve sair do relacionamento. Aqui está a ordem: ame Jesus, faça o
ministério.

Mal posso esperar
para ouvir sobre esses missionários quando estiverem no campo. Eu sei que Deus fará
grandes coisas por eles, neles e através deles. Provavelmente nessa ordem.

Fonte: Esboçosermão

ÚLTIMOS POSTS

Seu Você Oposto

Mateus foi um apóstolo, um autor de um dos evangelhos. Mas, antes que dele ser Mateus, ele foi Levi, um judeu que trabalhou para a

Leia Mais »