Bispo Macedo é criticado por associar Bitcoin à marca da besta

Share on facebook
Share on twitter
Share on email
Share on whatsapp
Share on linkedin

Um vídeo publicado no canal do bispo Edir Macedo associa o Bitcoin à marca da besta descrita no Apocalipse. Ao longo da gravação, uma falha de bancos e governos em todo mundo é apontada como oportunidade de ascensão de um sistema mundial para impor a nova moeda, digital.

Segundo o vídeo de Macedo, que é narrado por um locutor, o Bitcoin irá sobrepor todos os bancos e governos do mundo, se tornando a “primeira moeda totalmente digital que tem aparentemente vencido os hackers”.

A plataforma Blockchain, ligada ao Bitcoin, é descrito como um “software que faz com que esse sistema funcione” que surgiu de forma “misteriosa e sinistra”.

O fundador da Igreja Universal do Reino de Deus e proprietário da RecordTV explora o fato de que o criador do Bitcoin, identificado pelo pseudônimo Satoshi Nakamoto, escolheu o dia 31 de outubro, data marcada pelo “dia das bruxas”, para lançar a moeda digital.

“Coincidência? Acho que não!”, diz o texto do vídeo no canal de Edir Macedo, que aponta o anonimato na rede como um fato alarmante para essa “tecnologia revolucionária que dizem que transforma tudo”, diz.

“Será que foi meramente coincidência que foi dada como presente ao mundo naquela noite de halloween fatídica, imediatamente após a crise financeira de 2008 como solução para impedir que tal coisa acontecesse novamente?”, questiona.

“Se algum dia foi dado para a população um cavalo de Tróia, este deve ser o maior de todos, mas desta vez dado a toda população com consequências que podem ser ainda mais devastadoras do que aquelas da cidade de Tróia”, continua o vídeo.

Macedo afirma, com o texto de seu vídeo, que a tecnologia blockchain está sendo usada para registrar todos os cidadãos do mundo e assim cumprir uma meta da ONU de 2030. A Microsoft e a Accenture estariam trabalhando nessa iniciativa, paralelamente.

“A Microsoft também anunciou em maio de 2019 que está desenvolvendo um sistema digital global de identificação baseado na rede Bitcoin Blockchain […] o Comitê de Economia Mundial está puxando isso para frente com o fluxo de todo o comércio”, acrescenta o narrador.

“É muito falado que esse sistema não requer confiança porque é infalível, mas na verdade ele exige a mais alta forma de confiança. Confiança total em um sistema que nos dizem que é infalível. Mas se ele pode ser ajustado para deduzir impostos, então alguém, em algum lugar, tem a habilidade de usá-lo e abusá-lo. Isto é exatamente o que o plano de satanás e a marca da besta envolve”, sentencia o vídeo publicado no canal de Edir Macedo.

O portal Coin Times repercutiu o vídeo do líder da Igreja Universal dizendo que, “em meio a diversas informações falsas e confusas, a principal delas é de que impostos poderiam ser retirados automaticamente da carteira das pessoas para o governo”.

Gospel Mais

ÚLTIMOS POSTS

Espaço Gospel foi criado com a intenção de reunir o melhor de todo material disponível na rede para ajudar você a se conectar com Deus!