Cavalo é jogado de ponte por não conseguir completar romaria em PE e revolta

Share on facebook
Share on twitter
Share on email
Share on whatsapp
Share on linkedin

Imagens de um cavalo sendo sacrificado por um romeiro no município de Paudalho, em Pernambuco, viralizou na internet, nesta segunda-feira (7), e reacendeu o debate sobre maus-tratos a animais em tradições culturais.

O vídeo com flagrante foi publicado pela ativista Luisa Mell, em sua conta oficial no Instagram. De acordo com a defensora dos animais, um romeiro, devoto de São Severino, sacrificou o próprio cavalo jogando-o de uma ponte.

Procurada, a Prefeitura de Paudalho informou que ‘externa o mais profundo pesar e estarrecimento para com o episódio de maus-tratos contra um animal indefeso, observado no último final de semana ‘.

Questionada, a Prefeitura não informou se promove campanhas de conscientização contra maus tratos de animais no município.

O Executivo justifica que apesar do intuito pacífico e ordeiro dos fiéis, o que deveria ser um momento de conexão com o Sagrado, foi marcado por uma lamentável cena de violência contra um dos cavalos que integrava a comitiva.

Ainda de acordo com a prefeitura, o Ministério Público do Estado de Pernambuco será acionado, assim como as autoridades policiais e ambientais para que as medidas legalmente cabíveis sejam tomadas, no sentido de punir os responsáveis, segundo o Executivo. ‘pela ação atroz e desumana’.

O Ministério Público de Pernambuco não se pronunciou sobre o caso.

A Romaria é um tipo de peregrinação religiosa, anual, que pode ser realizada por carro, ônibus, a pé, ou com cavalos, muito praticada na religião católica.

O município de Paudalho é nacionalmente conhecido pelas manifestações de fé de todos os credos, dentre elas a romaria com destino ao Santuário de São Severino dos Ramos, que foi reconhecida por lei, desde 2018, como patrimônio cultural, religioso imaterial no município, com o objetivo de valorizar a cultura e religiosidade.

A Confederação Nacional dos Bispos (CNBB) informou que não recebeu nenhum tipo de denúncia neste sentido e não tem conhecimento do caso.

A Diocese de Nazaré, responsável pela Igreja, também foi procurada, mas não deu um posicionamento sobre o caso.



Portal do Trono

ÚLTIMOS POSTS

0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x