‘Deus não escuta oração de quem não honra sua esposa’

Share on facebook
Share on twitter
Share on email
Share on whatsapp
Share on linkedin

O caso de violência doméstica envolvendo o DJ Ivis se tornou um dos assuntos mais comentados no país após sua esposa denuncia-lo. O pastor Yago Martins publicou um vídeo sobre o tema e expôs as exigências que um marido cristão deve cumprir no casamento.

“O assunto da violência doméstica é urgente, relevante. […] Sim, violência doméstica existe dentro do ambiente de igreja. Pessoas que frequentam igrejas, muitas vezes, podem não ser cristãs comprometidas com a ética cristã”, introduziu o pastor da Igreja Batista Maanaim, em Fortaleza (CE).

Yago Martins ponderou que um casamento não se deteriora a ponto de ocorrer agressões da noite para o dia: “O marido [agressor] sempre trata de isolar a mulher que ele quer espancar. Existe um tipo de violência e abuso psicológico que cria o berço para as violências físicas que se manifestam, muitas vezes, dentro de casamentos”.

Embora a Bíblia Sagrada estipule padrões altíssimos para o marido cristão, isso não é garantia de que agressões não ocorram entre crentes: “Isso acontece em igreja? Tenho certeza que sim. Mas essa não é a grande questão, porque em igreja acontece assassinato, assalto, tudo que vai contra a própria índole cristã”, pontuou.

“A gente tem que ficar de olho aberto, se envolver pastoralmente, educar as nossas filhas, ensinar os nossos homens e expulsar com pé na bunda e encarcerar aqueles que se dão a esse tipo de coisa dentro das igrejas”, opinou o pastor.

Valorização da mulher

Em sua reflexão sobre o assunto, Yago Martins observou que “há muito o que se dizer sobre família no Novo Testamento”, citando Colossenses 3:19: “Maridos, que cada um de vocês ame a sua esposa e não a trate com amargura”.

Essa atenção especial do Evangelho à figura feminina resultou em transformação social: “O amor à mulher se torna uma das grandes características do cristianismo. Hoje, para você, casar por amor é o normal? Hoje, para você, quando acaba o amor no casamento é uma coisa terrível? Isso existe por causa daquilo que o cristianismo incutiu na cultura, porque casar por amor era contracultura dentro daquele período. Mulheres eram máquina de reprodução”.

O pastor também destacou o fato de que a Bíblia indica que um marido agressor se torna morto espiritualmente, já que as Escrituras enfatizam que Deus reprova a violência contra a mulher.

“Deus não escuta oração de quem não honra sua esposa. Deus não escuta oração de marido que não trata sua esposa como alguém mais frágil. Deus não escuta oração de marido que bate, que humilha”, alertou o pastor, citando 1 Pedro 3:7: “Maridos, honrem sua esposa. Sejam compreensivos no convívio com ela, pois, ainda que seja mais frágil que vocês, ela é igualmente participante da dádiva de nova vida concedida por Deus. Tratem-na de maneira correta, para que nada atrapalhe suas orações”.

Gospel Mais

ÚLTIMOS POSTS

Espaço Gospel foi criado com a intenção de reunir o melhor de todo material disponível na rede para ajudar você a se conectar com Deus!