Ele sentiu que ia morrer – Site do Pastor

Share on facebook
Share on twitter
Share on email
Share on whatsapp
Share on linkedin

ELE SENTIU QUE IA MORRER
Cap 47.27-31, Gn 48 e Gn 49


“Ele sentiu que ia morrer”
foi o título escolhido para este sermão em razão da importância deste momento na história do povo de Deus, em que o patriarca Jacó está prestes à morrer.

Pano de Fundo Histórico: Jacó e a sua família se mudaram para o Egito sob a proteção de José. Dezessete anos depois, Jacó sente que vai morrer e, por isso, reúne os filhos para lhes expor as suas últimas PREOCUPAÇÕES desta vida:

1) GARANTIR QUE O SEU CORPO SEJA ENTERRADO EM CANAÃ (Gn 47.27-31 e Gn 49.29-33)

Por mais que seus últimos anos no Egito tenham sido bons para ele e para sua família, Jacó não queria ser enterrado ali. Quando ele sentiu que ia morrer, fez seu último pedido para José: “Não me sepulte no Egito… Coloque o meu corpo na sepultura dos meus antepassados, em Macpela… no país de Canaã… Abraão comprou este terreno para ser a sepultura da família”. José prometeu e cumpriu a sua promessa.

Isso é o equivalente, hoje, à nossa firme esperança da salvação. Nós também temos a certeza, em Cristo,  de que iremos para a Canaã Celestial quando deixarmos esta vida, este corpo. Será, então, o tempo do nosso descanso dos sofrimentos deste mundo, o tempo da nossa redenção.

PONTO-CRUZ (use este PC aqui)  – O que é isso?
Cristo morreu para nos salvar e nos levar para a Canaã Celestial: “E quando eu for, e vos preparar lugar, virei outra vez, e vos levarei para mim mesmo, para que onde eu estiver estejais vós também”. (João 14:3)
2) TESTEMUNHAR AOS FILHOS QUE DEUS É FIEL (Gn 48.3-4)

“Aí disse a José: —O Deus Todo-Poderoso me apareceu na cidade de Luz, lá na terra de Canaã, e me abençoou. Ele me disse: ‘Eu farei com que você tenha muitos filhos, e os seus descendentes formarão muitas nações. Eu darei esta terra aos seus descendentes para ser propriedade deles para sempre’. ”

Não importa quantos anos haviam se passado desde a primeira vez que Deus lhe fez A Promessa, nem importa se fazia muitos anos que Deus não falava com ele, o que de fato importa é que DEUS É FIEL e não se esquece das suas promessas. E os seus filhos precisavam saber disso. Deus não é uma ideia, uma doutrina, uma religião. Deus é Real e é Fiel.

Os nossos filhos também precisam saber que Deus é fiel. Mas, ao contrário de Jacó, a maioria de nós não sabe quando vai morrer, por isso é importante testemunharmos constantemente da fidelidade de Deus para os nossos filhos, parentes e amigos.

3) REPARTIR A HERANÇA, REPREENDER E ABENÇOAR (Gn 48.21-22)

“Aí disse a José: —Como você está vendo, eu vou morrer. Mas Deus estará com vocês e os levará de volta para a terra dos seus antepassados” (Gn 48.21)… Jacó chamou os seus filhos e disse: —Fiquem em volta de mim, e eu lhes direi o que vai acontecer com vocês no futuro. Fiquem reunidos em volta de mim para ouvir, filhos de Jacó; escutem o que diz Israel, o seu pai.” (Gn 49.1-2)… “São essas as doze tribos de Israel, e foram essas as palavras que o pai disse aos seus filhos quando os abençoou; a cada um deu uma bênção especial.” (Gn 49.22)

Jacó reúne seus filhos aos pés da cama, distribui (pela fé) o território que cada um receberá quando Deus cumprir a Sua Promessa de levá-los de volta paraa Canaã, repreende alguns (Rúben, Simeão e Levi) e abençoa a todos eles, porém, mesmo para os que foram repreendidos, o simples fato de estarem presentes diante do pai neste momento significou muito para eles, tanto naquele dia, como no decorrer da história.

Este foi um momento muito comovendo e extremamente propício tanto para repreender como para abençoar (a repreensão também é uma forma de abençoar, pois revela o amor de quem cuida: Provérbios 3.12). O ser humano aprende com mais facilidade quando há afeto envolvido. Vamos nós também aproveitar cada momento da vida para repreender e abençoar os nossos filhos, pois não sabemos quando será o nosso último momento com eles.

CONCLUSÃO

Em seus últimos momentos, quando ele sentiu que ia morrer, Jacó expressa seu desejo de ser levado de volta para Canaã, divide a herança entre os filhos, repreende alguns deles e abençoa a todos. 

E você, já tem filhos? Se soubesse que iria morrer hoje, o que diria e faria por eles?

 

Título: Ele sentiu que ia morrer
Autor: Pr Ronaldo Alves Franco
Site do Pastor
Data: 07/03/2021

Deixe seu comentário logo abaixo.

Veja também nossos Artigos

Antes de mais nada, instrumento de vossa paz. Acima de tudo, o amor.  Antes de mais nada, instrumento de vossa paz. Acima de tudo, o amor. Enquanto houver desespero, a esperança. Portanto, que eu leve o amor.  

Fonte: Site do Pastor

ÚLTIMOS POSTS