Homem sai da UTI após o coronavírus: “Um milagre aconteceu comigo”

Share on facebook
Share on twitter
Share on email
Share on whatsapp
Share on linkedin

O testemunho de James Story é a revelação de uma série de lições sobre reconhecimento da dependência de Deus, humildade e amor ao próximo. Após ficar internado por 71 dias devido ao novo coronavírus, boa parte disso na UTI entre a vida e a morte, ele se recuperou e agora é um testemunho vivo do milagre de Deus.

“A primeira vez que ouvi sobre o COVID estávamos em uma reunião de equipe na igreja, na Gallatin First United Methodist Church em Gallatin, Tennessee. A administração do escritório do bispo enviou algumas recomendações de como nos preparar para esta pandemia que estávamos prestes a enfrentar”, disse James.

Tratamento tardio

Infelizmente, muitas pessoas que foram diagnosticadas com o novo coronavírus não iniciaram o tratamento precoce da doença, o que contribuiu para o agravamento do quadro de saúde. Este também foi o caso de James.

Após sentir os primeiros sintomas da Covid-19, o educador de música cristã do Tennessee, nos Estados Unidos, chegou a procurar ajuda médica em um hospital, especialmente por causa da sua idade um pouco mais avançada, mas os profissionais lhe mandaram para casa e não diagnosticaram a doença.

“Comecei a ter calafrios e febre e fui para o pronto-socorro e eles me mandaram para casa”, disse ele. Em alguns casos, o coronavírus não evolui e o organismo do próprio indivíduo reage, produzindo anticorpos, mas essa não é uma regra geral.

No caso de James, por exemplo, a doença evoluiu para a sua forma mais grave, quando há comprometimento dos pulmões e até de outros órgãos, que no seu caso foram os rins.

“No fim de semana eu piorara. Eu fui ao meu médico e ele fez alguns exames de sangue. Claro, não havia nenhuma marca naquele momento, para distinguir que ‘Você tem COVID neste momento’”, disse ele.

Entre a vida e a morte

Com o agravamento da doença, James precisou ser internado na UTI em estado grave. Ele precisou fazer hemodiálise, pois de forma atípica, em vez de comprometer apenas seus pulmões, o coronavírus também afetou os seus rins.

“Eu tinha ficado séptico. Eu comecei a diálise porque meus rins estavam falhando e a partir daí foi muito pior”, disse James. Foi nesse momento em que o professor passou a se aproximar mais de Deus.

“Aproveitei o tempo que tive para meditar e ler as Escrituras e me tornar mais próximo de Deus”, disse ele, lembrando de um sonho que teve enquanto esteve em um período inconsciente. Aparentemente, James passou pela “Experiência de Quase Morte”, conhecida como EQM.

“Eu me senti como se estivesse em um túmulo e tentando me puxar para a luz do sol. E quando cheguei ao topo, senti como se visse a face de Deus e ele estava estendendo a mão para mim e tudo que eu podia fazer era prostrar-me e adorar ”, lembrou ele. “Minha família, meus amigos, membros da minha igreja e pessoas ao redor do mundo estavam orando por mim.”

Felizmente, após 71 dias internado, James conseguiu se recuperar quase 100%, segundo o Gallantin News. Hoje ele usa a sua experiência para testemunhar o que considera um milagre de Deus em sua vida, pois viu que foi livrado da morte não por sorte, mas pelas mãos do Senhor.

“Não apenas um milagre aconteceu comigo, mas também um milagre dentro de cada um de nós, se buscarmos e encontrarmos. Sei que foi Sua graça e poder de cura que me deram uma segunda chance. Eu não me considero com sorte. Mas me considero abençoado”, conclui o professor.



Gospel Mais

ÚLTIMOS POSTS

0
Adoraria sua opinião, por favor, comente.x
()
x