Igreja cria a própria panificadora para doar pães aos necessitados na pandemia

Share on facebook
Share on twitter
Share on email
Share on whatsapp
Share on linkedin

Pensando em ajudar os mais afetados pela pandemia do novo coronavírus, uma igreja resolveu agir por conta própria para ter a sua própria panificadora. A iniciativa teve tanto sucesso que até agora quase 10 mil pães já foram doados aos mais necessitados.

Se trata da Igreja Assembleia de Deus de Guaíba, no Rio Grande do Sul. Preocupados com o número de pessoas cada vez mais prejudicadas economicamente durante a pandemia, a iniciativa partiu de uma irmã, sem que ela mesma tivesse ideia do quanto  seria importante a sua ação.

Tudo começou quando a membro Nazaré Alves doou pães feitos em sua própria casa para outro projeto da igreja, o Sopa Solidária. Sua intenção foi complementar a refeição doada aos necessitados, e logo ela se viu com a necessidade de aumentar a sua produção, chegando a fazer 100 pães apenas com um forno alétrico.

Os outros membros da igreja resolveram ajudar e também passaram a fazer pães em suas próprias casas, até que a denominação cedeu um espaço para que a produção fosse realizada no próprio templo.

Várias mulheres se uniram e começaram a levar seus fornos para a igreja, mas ainda assim elas não deram conta da demanda, que cresceu rapidamente. Como resultado, a igreja decidiu comprar um forno industrial, o mesmo utilizado em padarias profissionais.

Hoje, a igreja consegue produzir cerca de 300 pães por semana. Desde abril de 2020, quando o projeto tomou forma, a denominação estima que já foram distribuídos pelo menos 9 mil pães.

Segundo Liane Ozorio, líder da equipe da panificadora, disse que é muito gratificante saber que muitas pessoas estão sendo abençoadas pela iniciativa, e todo o trabalho feito pelos membros da igreja é voluntário, segundo informações do Guiame.

“Não é fácil, pois deixamos nossos compromissos para passar o dia lá na igreja, mas saber que alguém, muitas vezes, terá somente aquele alimento no dia, é simplesmente gratificante. A cada semana os pães saem mais gostosos e certinhos, pois Deus vai nos aperfeiçoando na prática”, disse ela.



Gospel Mais

ÚLTIMOS POSTS