O amor abre portas! – Verbo da Vida

Share on facebook
Share on twitter
Share on email
Share on whatsapp
Share on linkedin

por Tony Fleege (França)
*Missionário

A chave que nos mantém na corrida é um coração faminto por Deus, isso é maior do que qualquer outra coisa. Quando você vê que Deus é bom, você quer mais. Se torna viciado na Palavra de Deus. Essa é uma chave que vai fazer você continuar avançando na sua caminhada. Se o seu desejo por Deus diminuir, o desejo por outras coisas vai aumentar. Você irá perseguir isso. Todos os dias temos a escolha de decidir a quem vamos servir, a nós mesmos, ao mundo, ou ao Senhor. 

Você precisa cultivar o desejo de servir e conhecer Jesus. Se você pudesse ter qualquer coisa que quisesse, a melhor coisa que poderia acontecer com você hoje, o que você imaginaria? Quando você tiver o desejo de conhecer o amor de Deus em primeiro lugar, todos os outros desejos lhe serão acrescentados. Nós precisamos fazer ajustes e sermos rápidos em nos arrepender para completar a carreira que o Senhor nos propôs. 

A melhor coisa que poderia acontecer com você é conhecer a Ele. Quanto mais você experimenta d’Ele, mais você irá desejar. Se seus desejos forem outros, você amará outras coisas acima de Deus. Ele ficará com ciúmes, porque o ama. Nós enfatizamos que amamos ao Senhor, mas você não pode amá-lo antes que entenda que Ele o ama. Nós dizemos que amamos a Deus, mas nossas ações mostram outras coisas. 

“E nós conhecemos e cremos no amor que Deus tem por nós. Deus é amor, e aquele que permanece no amor permanece em Deus, e Deus, nele” (1 João 4.16).

Deus é amor, conhecê-lo é conhecer o amor. O amor vai abrir portas e levará você às nações. Quando depositamos nossa confiança no amor de Deus, não importa o que acontecer no caminho da corrida. Tenha convicção do amor d’Ele. O desejo de conhecer a Deus vai nos fazer passar por muitos desafios. Mas, quando você experimentar esse amor, nada poderá nos separar d’Ele. 

“(…)para o conhecer, e o poder da sua ressurreição, e a comunhão dos seus sofrimentos, conformando-me com ele na sua morte(…)” (Filipenses 3.10).

Jesus pagou o preço do pecado do mundo inteiro. Esse débito que todos nós tínhamos foi depositado sobre Jesus. Conhecer e crer no amor de Deus nos fará concluir a corrida. Não iremos falhar, porque o amor não falha.

“Todos nós andávamos desgarrados como ovelhas; cada um se desviava pelo caminho, mas o Senhor fez cair sobre ele a iniquidade de nós todos. Ele foi oprimido e humilhado, mas não abriu a boca; como cordeiro foi levado ao matadouro; e, como ovelha muda perante os seus tosquiadores, ele não abriu a boca. Por juízo opressor foi arrebatado, e de sua linhagem, quem dela cogitou? Porquanto foi cortado da terra dos viventes; por causa da transgressão do meu povo, foi ele ferido” (Isaías 53.7-9).

Por causa do pecado, fomos separados de Deus. Mas Ele tinha um plano maior, a salvação. Nunca questione o amor de Deus, independente do que você fez. A sua fé opera quando você é amado por Deus. A dívida foi paga. Quanto mais você entender a sua redenção, mais você vai conseguir alcançar outras pessoas. Por sermos perdoados, podemos perdoar. Se você está tendo essa dificuldade de perdoar outras pessoas, você precisa de mais revelações sobre o amor de Deus. Não se trata apenas de amarmos ao Senhor, mas d’Ele ter nos amado primeiro.

“E, voltando-se para a mulher, disse a Simão: Vês esta mulher? Entrei em tua casa, e não me deste água para os pés; esta, porém, regou os meus pés com lágrimas e os enxugou com os seus cabelos. Não me deste ósculo; ela, entretanto, desde que entrei não cessa de me beijar os pés. Não me ungiste a cabeça com óleo, mas esta, com bálsamo, ungiu os meus pés. Por isso, te digo: perdoados lhe são os seus muitos pecados, porque ela muito amou; mas aquele a quem pouco se perdoa, pouco ama” (Lucas 7.44-47).

Se você entender que foi perdoado e que possui um novo recomeço, você irá entender o amor de Deus. Ele nos ama de maneira incondicional.

O mundo precisa ver esse amor. As pessoas irão saber que você é um discípulo de Jesus por causa do seu amor.

Essa grande comissão de ir por todo mundo não será cumprida sem um grande mandamento: amar ao Senhor e amar pessoas. 

Você vai completar a carreira quando amar essas duas coisas em primeiro lugar. Você ama a Sua Palavra e as almas. Receba o amor de Deus. O mundo precisa ouvir esse Evangelho através de você. Somos livres, perdoados e amados.

Não existe medo no amor. Se você tiver medo, o seu amor não vai ser aperfeiçoado. Bondade, paz e amor são características que o mundo precisa ver em nós. 

Evangelizar é uma expressão do amor de Deus. Não devemos amar as coisas do mundo, mas amar as pessoas. O mundo procura pelo amor, e todos os dias temos oportunidade de manifestar esse amor onde estivermos. Eles não irão se importar se não perceberam o quanto você se importa. O amor é a motivação. O desejo de Deus deve ser o nosso desejo. Ganhe almas sem medo. 

Não olhe para o exterior das pessoas. Ganhe os perdidos demonstrando o amor de Deus. Não tenha medo de evangelizar. Você não irá falhar se estiver motivado a evangelizar através do amor de Deus e se amar a Deus e as pessoas.

 

*Trechos da mensagem do dia 24 de julho de 2021, no Jovem para as Nações

Fonte:Verbo da Vida

ÚLTIMOS POSTS