Pastor que trabalhava no Uber é assassinado a facadas

Share on facebook
Share on twitter
Share on email
Share on whatsapp
Share on linkedin

Um assassinato na noite da última quarta-feira, 13 de outubro, repercutiu na imprensa fluminense de maneira mais intensa por envolver um pastor da Assembleia de Deus que trabalhava no Uber.

O pastor Heraldo Carlos de Souza, que dirigia uma congregação da Assembleia de Deus, foi assassinado a facadas em Nova Iguaçu enquanto trabalhava como motorista de aplicativos, durante uma viagem pelo Uber.

A Polícia Militar informou que uma ligação com pedido de socorro foi efetuada pouco após às 21h30 na quarta-feira. Homens do Corpo de Bombeiros do quartel de Nova Iguaçu atenderam a ocorrência no bairro Cabuçu e, às 21h39, constataram a morte do pastor.

A faca usada no crime foi encontrada no carro do pastor, que trabalhava com aplicativos de viagens para complementar sua renda. No Brasil, há milhares de pastores em congregações pequenas que precisam trabalhar fora do ministério para se sustentar.

O criminoso que atacou o pastor não levou o smartphone do pastor, e agora o aparelho será submetido à perícia, durante as investigações que tentarão descobrir o responsável pelo crime e sua motivação.

De acordo com informações do portal Pleno News, amigos e fiéis da congregação do pastor usaram as redes sociais para lamentar sua morte.

Violência

Há pouco mais de dois meses, outro pastor foi assassinado durante uma tentativa de assalto quando ia se encontrar com a esposa.

Hilquias Clarindo Gomes, 60 anos, era membro da Igreja Batista Maranata, na cidade de Parnaíba (PI). Ele também atuava como vice-presidente do Conselho Interdenominacional de Ministros Evangélicos de Parnaíba (CIMPE).

A apuração inicial da Polícia Militar indica que o pastor batista foi visitar um amigo na rua Timbira, pilotando uma moto. Ele havia marcado de encontrar a esposa no local.

Na saída da casa do amigo, ele foi abordado por uma dupla de assaltantes que também usavam uma moto. No assalto, os criminosos dispararam contra o pastor, mas não levaram sua moto.

Gospel Mais

ÚLTIMOS POSTS