Primeira pastora de Mato Grosso morre aos 74 anos com Covid-19

Share on facebook
Share on twitter
Share on email
Share on whatsapp
Share on linkedin

A pastora Gisela Guth de Araújo, de 74 anos, morreu neste domingo (27), devido a complicações causadas pelo novo coronavírus (Covid-19). Ela estava internada na UTI do Complexo Hospitalar Jardim Cuiabá havia 27 dias e seu estado de saúde se agravou rapidamente nesses últimos dias e, mesmo recebendo todo o apoio médico necessário, não resistiu às complicações da doença. As informações são do site O Documento.

Gisele nasceu em Baepensi, em Minas Gerais, mas logo veio para Mato Grosso. E, aos 38 anos, se despontou como a primeira pastora do Estado. Ela ainda concorreu ao Senado no ano de 2006. Apóstola, Gisela cuidava dos pastores de diferentes denominações religiosas. Chegou a chamar o coronavírus de vírus maldito, assim que foi diagnosticada com a doença, em 28 de novembro.

Família, discípulos, pastores e amigos descrevem Gisela como uma mulher visionária, com chamado apostólico, profético, apaixonada pela obra missionária e viveu com a missão de, por 40 anos, propagar o evangelho de Jesus Cristo. Deixa cinco filhos, 14 netos e três bisnetos.

Deixou manifesto o seu caráter aprovado e seus inúmeros serviços prestados à família, à igreja, à sociedade, à política em Mato Grosso e no Brasil.

A família da pastora Gisela emitiu nota sobre a sua perda. Confira abaixo:

Nota:

“O Espírito do Senhor está sobre mim, pelo que me ungiu para evangelizar os pobres; enviou-me para proclamar libertação aos cativos e restauração da vista aos cegos, para pôr em liberdade os oprimidos, e apregoar o ano aceitável do Senhor.”
(Lc 4:18,19).

Essa foi a vocação, o chamado, a missão da Apóstola Gisela Guth de Araújo, nascida em Baepensi-MG no dia 16/06/1946, se despontando como a primeira Pastora do Estado de Matogrosso, aos seus 38 anos de idade.

Como pastora, esposa, mãe de 5 filhos, 2 genros, 3 noras, 8 netos, 6 netas, 2 bisnetos e 1 bisneta, passou mais de 40 anos, de forma incansável, pregando a Palavra, resgatando vidas, acolhendo, conselhando, direcionando, discipulando, liderando, se doando no preparo da noiva para o encontro com o Noivo, Jesus!

Em Mato Grosso visitou os 141 municípios e orou com cada prefeito, os quais, solenemente, fizeram a entrega da chave da cidade para o Senhor Jesus!

Como se não bastasse, foi à Brasília e fez o mesmo com o presidente Bolsonaro, momento em que ela lhe entregou uma chave e um decreto, para que o Presidente realizasse um ato profético de entrega do Brasil ao Senhor Jesus, o qual se comprometeu em fazê-lo.

Apóstola Gisela era uma mulher com chamado apostólico, profético, visionária, apaixonada pelo Pai, que entendia sua vocação e seu chamado. Não se acovardou diante de tão grande e desafiadora missão.

Sem medo dos opositores e daqueles que certamente a questionariam, seguiu sem temor, sabendo que viver é Cristo, não buscou o que era seu próprio, mas o que era de Cristo, cuidando, com sinceridade, dos interesses do Reino de Deus, a quem ela chamava íntima e carinhosamente de Papi.

Viveu os últimos anos de sua missão pastoreando pastores.

Deixou manifesto o seu caráter aprovado servindo ao evangelho do nosso Senhor Jesus. Em nada foi envergonhada; antes, com toda a ousadia, como sempre, e também agora, será Cristo engrandecido no seu corpo, quer pela vida, quer pela morte.

Porquanto, para ela, o viver sempre foi Cristo, e o morrer, agora, é seu lucro, sua recompensa, pois vai ao encontro do grande amor da sua vida, Jesus!

Hoje, não somente seus filhos, filhas, genros, noras, netos, netas, bisnetos e bisneta, mas também milhares de outras vidas alcançadas pelo seu ministério, ficam órfãos dessa grande mãe, que hoje retorna para o Pai mas deixa inúmeros discípulos.

Se lhe fosse oportunizado dizer suas últimas palavras, cremos que diria:

“Combati o bom combate, completei a carreira, guardei a fé. Já agora a coroa da justiça me está guardada, a qual o Senhor, reto juiz, me dará naquele Dia; e não somente a mim, mas também a todos quantos amam a sua vinda.”
2 Timóteo 4:7-8

Nosso até Breve mama, mamys poderosa, mãezinha e vózinha linda!
A nossa família e essa grande família de Cristo que te ama e te amará eternamente!”



Portal do Trono

ÚLTIMOS POSTS

0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x