Prova final – Site do Pastor – Esboço para usar no celular

Share on facebook
Share on twitter
Share on email
Share on whatsapp
Share on linkedin

PROVA FINAL
Gn 44.1-34 a Gn 45.1-15

Deus prova os seus filhos – Dt 13.1-18

 

PROVA FINAL” é o título escolhido para este sermão para informar que esta será a última prova que José imporá a seus irmãos, antes de decidir se revelar a eles.

Pano de Fundo Histórico: Os irmãos de José já haviam passado por dois momentos difíceis com José: o primeiro, foi o de deixar Simeão para trás, “preso” no Egito, sob acusação de espionagem. O segundo momento foi o de convencer o amedrontado Jacó a deixá-los trazer Benjamin nesta segunda viagem, para poderem resgatar Simeão e comprar mais mantimentos. Mas o pior momento estava por vir e seria a prova mais difícil de suas vidas, a “prova final”.

Eles serão aprovados? Quais QUESTÕES vão cair nesta prova?


Questão 1: IRMÃO DEFENDE IRMÃO (Gn 44.1-17)

José acusou Benjamin de ter roubado o seu copo de prata e, por isso, iria ficar no Egito, preso como escravo. Todos os demais irmãos foram liberados, mas, nenhum deles foi embora. Ficaram com Benjamin, unidos como uma família deve ser. Colocaram as suas cargas de volta nos animais e voltaram à presença de José para tentar resolver o difícil problema.

Eles foram aprovados nesta primeira questão da prova. A vinte anos atrás eles se uniram para conspirar contra José, mas, agora, se uniram para salvar Benjamin, para defendê-lo. Que grande mudança Deus operou no coração destes homens.

 
Questão 2: FILHOS CUIDAM DOS PAIS (Gn 44.18-34)

Ao invés de fazer a defesa de Benjamin, Judá fala do pai deles, do sofrimento que Jacó já teve na vida quando recebeu a (falsa) notícia da morte de José, do seu enorme medo de permitir que Benjamin viesse nesta viagem e fala que, caso o caçula não volte com eles, o velho pai certamente vai morrer de desgosto, pois o ama muito. 

Como é feliz o homem que têm muitos filhos, ele não será humilhado quando enfrentar os seus inimigos. (Sl 127)

Judá fala também que deu a sua própria vida como penhor pela vida de Benjamin e se oferece para ficar preso no Egito em seu lugar: “Por isso agora eu peço ao senhor que me deixe ficar aqui como seu escravo em lugar do rapaz. E permita que ele volte com os seus irmãos. Como posso voltar para casa se o rapaz não for comigo? Eu não quero ver essa desgraça cair sobre o meu pai” (vs 33 e 34). BLH

Eles também são aprovados nesta segunda questão da prova. A vinte anos atrás eles não pensaram no sofrimento do pai, não cuidaram dele. Eles mentiram sobre a morte de José, jogando-o num luto insuperável, mas, agora, estão dispostos a qualquer coisa para livrar o velho pai de mais um terrível sofrimento. Que grande mudança Deus operou no coração destes homens.

 
Questão 3: OUVIR EM SILÊNCIO A REPREENSÃO MERECIDA (Gn 45.1-15)

Plenamente convencido da mudança que Deus operou no coração dos seus irmãos, José não conseguiu mais controlar a emoção, mandou que todos os empregados saíssem e se revelou a eles, mas não lhes passou a mão na cabeça, ao contrário, passou o passado a limpo, falou verdades precisavam ser ditas. Em resumo, o que ele disse foi mais ou menos o seguinte:

“Eu sou José, o irmão que vocês traíram e venderam como escravo. Mas Deus me fez governador do Egito. Não fiquem tristes nem preocupados, pois não vou me vingar de vocês, eu creio que Deus permitiu tudo isso com o propósito de salvar a nossa família e também o de salvar muitas pessoas de morrerem de fome”.

E, após constatar que seus irmãos agora são capazes de ouvir em silêncio a repreensão merecida, José pede que eles tragam o seu pai e toda a família para morar no Egito, com a promessa de que vai cuidar de todos eles e dos seus rebanhos e, finalmente, os abraça e beija, e é abraçado por eles.

“José abraçou o seu irmão Benjamim e começou a chorar. E, abraçado com José, Benjamim também chorou. Então, ainda chorando, José abraçou e beijou cada um dos seus irmãos. Depois disso os irmãos começaram a falar com ele“. (vs 14 e 15)

Então, finalmente, eles foram aprovados também nesta terceira questão da prova. A vinte anos atrás, eles não deram ouvidos aos clamores de José quando o jogaram no fundo daquele poço vazio e seco, mas, agora, ouviram em silêncio a repreensão merecida, e abriram os seus corações para ele. Que grande mudança Deus operou no coração destes homens.

PONTO-CRUZ (use este PC aqui)  – O que é isso?
Do mesmo modo, os clamores de José no fundo daquele poço vazio e seco nos faz lembrar de Jesus clamando pelo pai enquanto morria naquela cruz para nos salvar (Mc 15.34).
CONCLUSÃO

Os irmãos de José provaram serem capazes de cuidar da família e de ouvir em silêncio a repreensão merecida. 

E você, anda cuidando bem da sua família e dos irmãos da fé?
Já é capaz de ouvir em silêncio uma repreensão merecida?

 

Título: Prova final
Autor: Pr Ronaldo Alves Franco
Site do Pastor
Data: 11/02/2021

Deixe seu comentário logo abaixo.

Veja também nossos Artigos

 

 

 

Fonte: Site do Pastor

ÚLTIMOS POSTS

0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x