Só Deus pode me julgar: Não se precipite

Share on facebook
Share on twitter
Share on email
Share on whatsapp
Share on linkedin

Não raramente ouvimos pessoas tirando conclusões extremamente precipitadas de outras sem ao menos procurar saber o mínimo sobre quem está sendo alvo dessas palavras. Se só Deus pode me julgar, por que os outros insistem em tentar colocar esses rótulos?

Nosso dia a dia é repleto de impressões e avaliações sobre tudo que nos cerca. Os julgamentos fazem parte do nosso cotidiano, eles são necessários para que saibamos conduzir as situações com inteligência e calma, para que não cometamos os conhecidos “erros de julgamento.

Após ler essa mensagem, aproveite para ler também:

O seu caráter não pode ser avaliado por ninguém a distância. Todos devem conhecer tudo o que envolve uma situação, um acontecimento, para poder, aí sim, identificar se uma ação, uma atitude, foi tomada em busca de um bem comum, ou se aquilo foi feito com verdadeira intenção de prejudicar o próximo.

Pense bem antes de colocar etiquetas nas outras pessoas, pois só Deus pode me julgar.

Só Deus pode me julgar: Não se precipite

“Não julgueis, para que não seja julgado” – Mateus 7:1

Quando dizemos que só Deus pode nos julgar, entendemos que no que concerne ao questionamento essencial da bíblia, entre céu e inferno, não podemos nunca tomar qualquer tipo de avaliação para um irmão. Mas isso não pode ser generalizado para as ações mundanas.

Os julgamentos, feitos de forma correta e justa, tanto no âmbito das leis que regem a nossa convivência, quanto no convívio diário, são necessários para que não haja maldade entre os nossos grupos.

Nunca julgue pela aparência

Tomar alguém por tolo, preguiçoso, inescrupuloso ou mesmo mal apenas por vestimentas ou aspectos físicos é um dos maiores erros que alguém pode cometer. Não julgue um morador de rua ou alguém vestido com trapos, humanize sempre as relações, procure descobrir a alma que habita ali e o porquê da situação estar daquela forma. Antes de analisar algum ato que parece incorreto, no seu ponto de vista, entenda o que foi dito e feito por parte de todos os envolvidos.

Olhe para dentro

Perceba suas próprias nuances, conheça seus próprios defeitos e suas próprias virtudes para quando se questionar por conta de julgamentos alheios, encontrar essa certeza no coração: “só Deus pode me julgar”. Se você age de boa fé e procura sempre fazer o melhor para todos a sua volta, não se abale com possíveis julgamentos sobre a sua pessoa.

Acredite nos seus valores e nos seus atos, entenda que você pode falhar em alguns momentos da sua vida, mas nunca serão falhas deliberadas. Atente-se a isso também quando iniciar julgamentos sobre outras pessoas, lembre-se de que você também está vulnerável a erros.

Se só Deus pode me julgar, há motivos para que nos julguemos com tanta assiduidade? Ao invés de compartilhar ideias negativas sobre os outros, divida bons momentos, boas histórias e conteúdos que possam ajudar ao próximo, seja ele seu irmão ou apenas um conhecido.

Experimente mostrar mensagens de positividade como essa para eles, recebendo em troca outros textos e informações que farão da sua vida uma constante evolução.

 

 

Mensagem Biblica

ÚLTIMOS POSTS