Thammy processa Malafaia por boicote à Natura

Share on facebook
Share on twitter
Share on email
Share on whatsapp
Share on linkedin

Thammy Miranda anunciou que processará o pastor Silas Malafaia por homofobia em razão de sua adesão ao movimento de boicote à Natura por ocasião da campanha publicitária do Dia dos Pais.

“O que ele fez é crime e a gente não pode mais deixar passar impune. Esse crime, que ele vem cometendo há um bom tempo e ninguém faz nada, mata milhares de pessoas”, disse Thammy Miranda, partindo do pressuposto que o movimento de boicote à Natura foi criado pelo pastor.

Em entrevista ao jornalista Léo Dias, do portal Metrópoles, Thammy Miranda afirmou que a iniciativa de processar Malafaia é uma forma de impedir que a comunidade LGBT seja alvo de preconceito.

“É um legado que quero deixar. Que mais para frente, outras gerações não passem pelo que a gente está passando hoje. Eu hoje vou sofrer as consequências de estar lutando por isso, mas outras pessoas não vão passar por isso. Meu filho não vai passar por isso”, concluiu.

A iniciativa de boicote surgiu espontaneamente nas redes sociais, com milhões de internautas expressando sua reprovação à empresa de cosméticos por conta da escolha de um transexual para representa-la na campanha publicitária do Dia dos Pais.

No Twitter, o pastor da Assembleia de Deus Vitória em Cristo (ADVEC), desdenhou da ação contra ele: “Um recado para Thammy Miranda! Não sabia que a Natura teve um baita prejuízo no dia dos pais. Nunca citei o seu nome, aproveite e abra processo contra milhões de brasileiros que protestaram contra a Natura nas redes sociais. Porque só eu? Preconceito religioso? Só kkkk muito!”, escreveu Malafaia.



Gospel Mais

ÚLTIMOS POSTS

0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x